Conteúdo Rápido

Seminário de Organização de Herança para Leigos

3 vídeos rápidos e objetivos para te mostrar as diferentes formas de organizar sua herança em vida e evitar problemas futuros. 

Vídeo 1

Por que doar seu patrimônio é uma péssima ideia?

Vídeo 2

Como incluir ou excluir pessoas na sua sucessão?

Vídeo 3

Estratégias jurídicas e contábeis para fazer valer suas vontades.

Se você já se fez alguma dessas perguntas, este seminário é perfeito para você!

“Se algo acontecer comigo, quem vai receber minha herança e quanto cada um terá direito?”

“Quanto custa abrir um processo de inventário e quem deve pagar por isso?”

“Como diminuir os impostos que podem incidir no meu patrimônio pela sucessão dos meus bens?” ”

Elimine todas essas dúvidas e muitas outras sobre quem vai ficar com sua herança e como evitar problemas patrimoniais garantindo sua vaga agora no nosso Seminário de Sucessão Patrimonial para leigos!

Durma melhor sabendo que evitará problemas

PARA AS PESSOAS QUE VOCÊ MAIS AMA!

Entenda o que é uma holding familiar e se vale a pena pra você;

Veja as razões pelas quais doar seus bens pode ser um tiro no pé;

Saiba como aplicar na sua família estratégias de planejamento sucessório;

Descubra o jeito certo de organizar documentos relevantes;

Proteja seu patrimônio de pessoas que você não deseja dar acesso;

E muito mais!

Nossa missão é usar a tecnologia para tornar mais simples a forma como você lida com o fim da vida.

Esqueça burocracias, papelada e desperdício de tempo. Com a nossa ferramenta e o auxílio dos nossos especialistas em planejamento para o fim da vida você vai organizar sua herança com muito mais velocidade e segurança. 

O que acontece se eu morrer sem ter um plano para o fim da vida?

Sem um planejamento prévio, seus herdeiros serão obrigados a seguir o rito normal do Código Civil Brasileiro, um conjunto de regras antigo e engessado, que não leva em conta as dinâmicas das famílias mais modernas que abrangem casais que não são casados, filhos que não são sanguíneos, preferências pessoais e uma série de outras hipóteses. Se você tem herdeiros menores de 18 anos e não definiu quem deve cuidar deles, deve entender que a escolha de um juiz pode ser muito diferente da que você faria. 

E se eu mudar de ideia? Posso atualizar meus planos?

Todas as soluções de planejamento para o fim da vida propostas pela Guardadoria levam em conta a dinamicidade da vida. Diferente do que ocorre, por exemplo, em doações, nossas estratégias são pautadas pela possibilidade de reversão e readequação às necessidades do contratante. 

Guardadoria. Todos os direitos reservados.

Olá! Estamos aqui para ajudar!